Iniciar uma conversa

Como configurar o IceWarp para receber mensagens de outro servidor SMTP? (usando extensões SMTP ETRN/ATRN)

Temos visto mais usuários utilizando a opção de contas remotas, com a vantagem de poder manter uma cópia dos e-mails no servidor de origem.


O recurso de ETRN/ATRN é, entretanto, bastante interessante e pode ser considerado, apesar de não ter o grande benefício das contas remotas, de poder manter os últimos x dias de e-mails recebidos no servidor que recebe os e-mails (provedor, para onde aponta o MX).

ETRN (Extended TURN) é uma extensão do protocolo SMTP para retransmissão de emails solicitada com resolução DNS e endereço IP fixo. Ela pode ser usada para liberar a carga do servidor de destino usando um gateway para filtrar spam e vírus.

ATRN (Authenticated TURN) pode ser usado quando o servidor de destino não tiver um endereço IP fixo e/ou não estiver permanentemente conectado à Internet. O uso deste último é mais seguro e recomendável.

A sessão é iniciada pelo servidor de destino, que então gera um comando ETRN ou, após a autenticação, ATRN. O servidor de backup e o servidor cliente precisam estar configurados para usar o ETRN/ATRN.

O procedimento de execução do comando é: O servidor de destino (cliente nesta sessão, doravante A) se conecta ao que servidor que contém seus emails (servidor nesta sessão, doravante B) e emite o comando ETRN ou ATRN. Então, eles trocam de função, de modo que B se torna o cliente e A se torna o servidor. Em seguida, todos os filtros e anti-vírus são aplicados pelo servidor de destino, como ocorreria em uma sessão SMTP normal com comandos MAIL FROM, etc.

Configuração

  • A primeira etapa na configuração do servidor fonte é criar um domínio e definir o seu tipo como domínio de fila ETRN/ATRN na caixa de combinação, em propriedades do domínio na guia Accounts (Contas). Se for usado ETRN (o servidor de destino tem endereço IP fixo), o campo Value: (Valor:) deve conter esse endereço IP. Se o servidor tiver IP dinâmico, deixe este campo vazio como mostra a imagem.

  • Em seguida, adicione uma conta a esse domínio. Essa conta será usada para autenticação pelo servidor de destino quando solicitar email. A senha não será obrigatória se ETRN for usado, mas será solicitada pelo servidor remoto se tiver sido definida.

Defina essa conta para que seja uma conta ETRN/ATRN marcando a caixa de seleção ETRN/ATRN account (Conta ETRN/ATRN) na guia Opções. Se esta opção não for ativada, o procedimento não funcionará.



As informações de logon de conta serão usadas pelo servidor de destino.

Agora o domínio ETRN/ATRN está pronto e você pode passar para a próxima e última etapa: a configuração do servidor de destino.

Configuração do servidor de destino

Acesse Serviços de Correio / Download ETRN.

Crie um novo download do ETRN clicando em Add (Adicionar) e definindo os parâmetros.

O campo Parameters (Parâmetros) contém os parâmetros que devem ser passados com o comando ETRN para o servidor. Se for exigida senha para o domínio, esta deverá estar separada do nome do domínio por um espaço. Se houver múltiplos comandos ETRN a serem passados para o servidor, separe os parâmetros para cada comando usando ponto-e-vírgula.

Uso do ETRN

merakdemo.com senha

Se for necessário usar o ATRN, marque a caixa de seleção ATRN. Os parâmetros para o ATRN devem ser o nome do domínio seguido por ponto e vírgula, logon, vírgula e senha.

Uso do ATRN

dominio.com;logon:senha

Em seguida, clique no botão OK e, a última etapa, programe a execução da(s) sessão(ões) ETRN/ATRN.

Escolher arquivos ou arraste e solte arquivos
Esse artigo foi útil?
Sim
Não
  1. Flávio Zarur Lucarelli

  2. Publicado
  3. Atualizado

Comentários