Iniciar uma conversa

Como bloquear certos tipos de anexos?

Para fazer isso, use o recurso de filtragem do mecanismo antivírus.

No modulo antivírus, acesse a aba Ação e garanta que o checkbox Aplicar filtros de extensão esteja marcado.

Na aba Filtros de extensões, informe anexos periogosos. Clique F1 (Help) para exemplos, pois você pode simplesmente bloquear anexos especificando a máscara *.exe, por exemplo, bem como definir parâmetros adicionais, como o escaneamento dentro de arquivos comprimidos, apenas para determinados sufixos.

Por exemplo, se quer bloquear *.exe dentro de arquivos comprimidos, adicione novo filtro de extensão com:

Nome no anexo: *.exe
Arquivado em: *.*
Remete/Destinatário: não precisa assinalar o checkbox
Ação: bloquear

O mesmo pode ser feito para sufixos perigosos, como .vbs, .jar, etc. Use com cautela, pois alguns de tais sufixos podem ser usados por certos usuários em anexos.

Os sufixos que recomendamos adicionar, um por um:

.exe
.vbs
.jar
.hta
.jse
.js
.com
.vbe
.bat
.pif
.scr
.prf
.lnk
.shs
.cpl
.wsh
.wsf

Ainda, na aba Ação, caso tenha especificado arquivos comprimidos, como ZIP e RAR (não inclui arquivos Office protegidos, como Excel), é possível escanear dentro deles (até 10 níveis), basta marcar a opção Aplicar filtros de extensão a arquivos comprimidos, o que recomendamos e ajuda muito a combater malware em e-mails.

Outra opção, é criar um filtro de conteúdo, caso no qual o título do filtro é exibido no erro enviado ao remetente, no caso de rejeição, porém, recomendamos realizar o procedimento pelo antivírus, que consegue varrer dentro de anexos. Exemplos em nossa categoria de filtragem de e-mails.

Nunca bloqueie anexos do tipo .imap (e-mails IMAP) e .tmp (e-mails POP).

Escolher arquivos ou arraste e solte arquivos
Esse artigo foi útil?
Sim
Não
  1. Flávio Zarur Lucarelli

  2. Publicado
  3. Atualizado

Comentários